RECEITA FEDERAL RESPONDE OFÍCIO DA ABRAPAC

Em ofício enviado pelo Coordenador Geral de Administração Aduaneira, José Carlos de Araújo, a Receita Federal respondeu ao ofício da ABRAPAC que reivindicava igualdade de cota de importação em viagens para os aeronautas.

O ofício afirma que a sugestão será analisada, porém esclarece que uma eventual mudança não depende apenas do órgão, mas sim de uma alteração mais ampla e complexa, em uma norma do Mercosul assinada pelo Brasil.

A despeito desse grande obstáculo, a ABRAPAC continuará empenhada em convencer as autoridades da necessidade e justiça de equiparar pilotos e comissários aos cidadãos comuns no que tange ao direito de compras no exterior.

Clique aqui para ver o ofício da Receita Federal