PROJETO DO FADIGÔMETRO EM DEBATE NA ABRAPAC

(Com informações da Asagol) Foi realizada na sede da ABRAPAC, na última terça-feira, dia 23, mais uma reunião de desenvolvimento do primeiro fadigômetro da aviação civil brasileira.

O projeto visa estimar o nível de alerta dos tripulantes durante a jornada de trabalho, abastecendo assim as análises dos riscos relativos à fadiga e propiciando recomendações de segurança.

A professora Frida Marina Fischer, da Faculdade de Saúde Pública da USP, e o comandante Paulo Licati (Modern Logistics), especialista em gerenciamento de fadiga, apresentaram suas observações quanto a metodologia, análise de dados e divulgação de resultados, observando as melhores práticas acadêmicas.

Estavam presentes os profissionais de safety Marina Rapuano (SNA), Alfredo Menquini (ABRAPAC), Eduardo Morteo (ASAGOL) e Philipe Pacheco (ATT), assim como os comandantes Tulio Rodrigues e Raul Bocces (ASAGOL).

Esta é uma iniciativa conjunta de ABRAPAC, ASAGOL, ATT e SNA e todos os interessados estão convidados a dar suas sugestões pelo e-mail safety@pilotos.org.br