VISITA À AZUL, COM FOCO EM GERENCIAMENTO DE FADIGA

A convite do Safety da Azul Linhas Aéreas, o presidente da ABRAPAC, comandante Paulo Licati, e o diretor de assuntos técnicos, Daniel Mantovani, visitaram a companhia e puderam acompanhar uma apresentação sobre o progresso da construção do Sistema de Gerenciamento de Fadiga. Foi mostrado como estão sendo trabalhados os processos de análise das escalas de voo dos tripulantes e a interação do Fatigue Safety Action Group (FSAG), que reúne quinzenalmente as áreas de Safety, Operações, Escala e TI.
Nesses encontros, tais setores analisam as escalas críticas e os reportes de fadiga confeccionados pelos tripulantes. Um representante sindical coopera com os processos. Desta maneira, seguem em estágio avançado nos testes do Gerenciamento de Risco de Fadiga Humana.
O trabalho ainda está em fase de implantação e faltam ainda algumas etapas para que os efeitos comecem a ser sentidos na prática pelos aeronautas. Mesmo assim, o grupo visitante trouxe uma boa impressão do conhecimento e do embasamento técnico-científico com que a implantação está sendo conduzida. Assim como da harmonia e da interação do time da AZUL com o objetivo de fomentar o bem-estar e mitigar os riscos da fadiga de seus tripulantes.
Lembramos que a cooperação entre ABRAPAC e Azul Linhas Aéreas em estudos de fadiga humana iniciou-se ainda em 2012 e teve resultados muito produtivos. A associação parabeniza a companhia aérea pelo trabalho aprofundado, empreendido de forma espontânea, no sentido de mitigar o risco da fadiga humana em suas operações.

Da esquerda para a direita, Philipe Pacheco (analista de fatores humanos da Azul) Cmte. Caio, Daniel Mantovani (Diretor de Assuntos Técnicos da ABRAPAC) e Paulo Licati (Presidente da ABRAPAC).