PRESIDENTE DA ABRAPAC FAZ APRESENTAÇÃO SOBRE FADIGA NA LABACE

Na última quarta-feira, o presidente da ABRAPAC, comandante Paulo Licati, participou do painel “Sistema de Gerenciamento de Fadiga Aplicado à Aviação Executiva de Longo Curso”, durante a Labace 2019 – maior feira de aviação executiva do continente, realizada em São Paulo.

Participaram também do painel figuras de expressão do meio aeronáutico como a médica especializada em aviação, Dra. Cintia Morioka, o consultor da AVSS, Abner Almeida, e a especialista em regulação aeronáutica da ANAC, Izabela Tissot Antunes Sampaio. A moderação do debate foi feita pelo diretor jurídico do Instituto Para Ser Piloto, Dr. Carlos Barbosa.

Os painelistas discorreram sobre as formas de aplicação do sistema de gerenciamento de risco de fadiga na aviação executiva, com definição de procedimentos e exemplos práticos.

Os pilotos da aviação privada de longo curso demonstravam apreensão quanto às possíveis restrições que o RBAC 117 colocaria para quem opera sob o RBAC 91, que é o nível básico do regulamento. Foi explicado pela servidora Izabela Tissot que o SGRF também se estende ao pessoal do RBAC 91, porém é necessário apresentar para ANAC o cumprimento dos requisitos e provar que atende-se ao “Nível Equivalente de Segurança Operacional” (NESO) para flexibilização das jornadas de trabalho.

A ABRAPAC tem trabalhado de forma intensa, desde 2011, em prol da mitigação dos riscos da fadiga humana, seja empreendendo pesquisas, seja levando o conhecimento gerado por elas às mais diversas autoridades de nosso país. Você, associado, pode participar e colaborar com esses esforços. Entre em contato com nosso safety, Alfredo Menquini, pelo e-mail safety@pilotos.org.br.