PRÊMIO ABRAPAC

GALERIA DOS HOMENAGEADOS COM O

PRÊMIO ABRAPAC

Em reconhecimento às suas
realizações em prol da aviação


Entrega do Prêmio ABRAPAC 2017 ao Coronel PM Alberto Sardilli

EDIÇÃO 01 – 2017
CORONEL ALBERTO MALFI SARDILLI
PM Ambiental de SP

Pelas ações contra o perigo baloeiro em SP no ano de 2017, com o número recorde de 190 artefatos apreendidos e o fechamento de 24 fábricas clandestinas, evitando a confecção de mais de 500 balões. 

Biografia: O Coronel Alberto Malfi Sardilli, 48 anos, está na Polícia Militar do Estado de São Paulo desde os 15, quando ingressou no curso preparatório de formação de oficiais. Ao longo de sua carreira, já esteve à frente de importantes unidades, como o Regimento de Polícia Montada “9 de Julho” (a cavalaria da PM), o Comando de Policiamento de Área Metropolitano em Guarulhos e o Batalhão Tobias de Aguiar (a ROTA). Graduado em Direito pela Universidade Cruzeiro do Sul, com Pós-Graduação em Ciências Jurídicas, atualmente é o comandante da Polícia Militar Ambiental de SP, onde tem desenvolvido um intenso trabalho contra o perigo baloeiro.
Conheça a PM Ambiental


Os cmtes. Aldo Bien (presidente da ABRAPAC) e Paulo Licati

EDIÇÃO 02 – 2018
CMTE. PAULO LICATI

Pelo seu trabalho incessante e de valor inestimável nos últimos 10 anos em prol da segurança de voo, através de estudos de fadiga humana na aviação, sempre com argumentação técnico-científica e embasamento teórico.

Biografia: O cmte. Paulo Licati é piloto de linha aérea, pós-graduado em Segurança de Aviação e Aeronavegabilidade Continuada pelo ITA e credenciado como Agente de Segurança de Voo pelo CENIPA. Pesquisador e autor de diversos estudos pioneiros sobre Fadiga Humana no Brasil, desempenhou um papel fundamental na discussão da Nova Lei do Aeronauta, assumindo, inclusive, o papel de Coordenador da Comissão Nacional de Fadiga Humana. Associado da ABRAPAC, contribuiu de forma inédita para o viés técnico-científico da associação.